terça-feira, 10 de abril de 2012

SemNexo



Será meus pés;
Será as mãos;
Que nesse turbilhão de ideias
Se confundiu com o ser;
Que eu não era.
Suicídio,um homicídio;
Daqueles gritos,que pediam ajuda.
A fé quebrou
Ele não acreditou
Que aquele senhor
Deu o filho por sua vida
Misericórdia!
Seus olhos famintos;
Não permitiram crer.




Carinhosamente,


Dáfni Priscila