sábado, 29 de dezembro de 2012

Ilusório



Teu sorriso;
Doce e misterioso.
É minha vaidade,poder te ver.
Infinita é a beleza;
Desse jeito tímido;
Do olhar guardando o segredo;
Da forma de falar.
O batom vermelho dos meus lábios;
Manchando sua pele branca como a neve.
As marcas de amor por toda a casa;
O cheiro de sexo exalando de nossos corpos.
E quando nossos olhares se cruzaram...
Percebi! Já não existe fuga.

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

O prazer do aroma.




















Passos distraídos;
Aquele ônibus trouxe o seu cheiro;
O aroma da saudade;
Fui teletransportada;
Para aquela noite de prazer;
Colchão;
No chão;
Suas mãos nos meus seios;
Enquanto timidamente,
Enlouquecida tocava o seu rosto.
Quem dera tivesse vivido!
Ter sentido...
O peso do teu corpo;
Tua língua no pescoço;
Em uma noite de entrega.
Maldito,ônibus!
Que trouxe o teu cheiro.
O qual,jamais senti.

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Lembranças de um sonho.








Entre sonho e realidade;
Senti sua respiração;
Esquentando a minha nuca;
Despertando o meu prazer.
Suas mãos afastando o meu cabelo;
Misturado com seus beijos;
Despertou o meu tesão.
Porém ,o que mais chamou atenção...
foi seu olhar ao me despir.
Aquela música;
Aquele toque;
Aquela boca.
Eu sonhei,mas pude sentir.






domingo, 23 de dezembro de 2012

Aquela coisa toda.




Se fosse possível;
Lambuzaria meu corpo;
No calor desse olhar.
Eu era;
Você era;
Nós eramos.
Aquela coisa toda...
De corpo,alma e coração.

sábado, 22 de dezembro de 2012

Sentir,sem ver.



Misterioso olhar;
Sorriso que vai e vem;
O que poderia querer?!
Distante de mim;
Como a saudade...que só visita na tristeza;
Corredores frios e passos suaves;
Outrora te quis;
E hoje,bem mais.